É CEM

É CEM

Este é o centésimo exemplar da revista Economia e Energia – E&E. Em dezembro de 1996, lançamos na internet nosso número zero[1] da fase internet que foi transcrita na forma impressa posteriormente adotada. Nossa proposta foi “trazer para o debate dos temas vinculados a seu título (Economia e Energia) uma visão de médio prazo, ancorada no comportamento histórico de variáveis, mas atenta às novas tendências globais. Ousaremos apresentar, a cada número, projeções sobre o comportamento futuro de algumas variáveis”. Isto é, basicamente, o que continuamos a fazer.

Nosso primeiro número apresentava os seguintes temas e autores: Apresentação: e&e o que é e a que veio, A Produtividade do Capital: Carlos Feu Alvim;  Brasil e a Mudança do Clima: José D. G. Miguez; Exaustão do Petróleo: Omar Campos Ferreira; Equilíbrio Instável: Genserico Encarnação Jr; O Capital Nacional: Carlos Feu Alvim.

Omar Campos Ferreira (1931-2013) e Frida Eidelman (1941-2016), já nos deixaram e deram uma preciosa contribuição à Revista que, no que se refere a artigos, está preservada em sua íntegra na internet.

 Nossa colega e amiga Frida Eidelman que integrou a equipe desde o início, possibilitou a publicação em inglês de todos os artigos durante muitos anos. Na ocasião de seu falecimento, estávamos no único período em que foi interrompida a edição da Revista. Reflexo, em parte, da falta que ela já estava fazendo. Com isso ficamos devendo a ela uma homenagem a exemplo da que pudemos fazer com o Omar.

Frida Eidelman aliava um profundo conhecimento de humanidades, que incluía um apurado conhecimento de línguas, a uma formação sólida em matemática e em ciências nucleares. Foi exemplo para nós de atitude construtiva e de cordialidade, qualidades que contribuíram muito para cativar toda a equipe.

Nos últimos anos, foi exemplo de coragem e otimismo frente a terríveis dificuldades de saúde. Depois de uma complicada cirurgia, que permitiu a consciência da gravidade do seu caso, encontrou ânimo para ainda viajar ao exterior com um grupo de amigos que ela sempre soube cultivar.  Amigos que soube manter, em várias partes do mundo.

Levava muito a sério os assuntos religiosos, mas era capaz de conversar e compreender as posições de outras religiões e dos que não as tinham. Conseguiu com isso, certamente contando com a reciprocidade da tolerância que ela inspirava, sendo israelita, ter afilhado cristão.

Neste número cem, prestamos a ela essa singela homenagem. Sua natureza radiante, cotidianamente relembrada, segue iluminando sua falta.

[1] Número Zero: http://ecen.com/eee0/eeezero.pdf
Número Um: http://ecen.com/content/eee1/frprinci.htm

 

E&E 93

Economia e Energia – E&E Nº 93, Outubro a Dezembro de 2016   – Ano XX
ISSN 1518-2932

Palavra do Editor:

Há vinte anos, era lançada na Internet a Revista Economia e Energia – E&E. Ela pretendia contribuir para manter ativa, na área energética, a visão de longo prazo que havia perdido terreno em uma época onde predominava a ilusão de que as forças de mercado podiam suprir o planejamento. Na Internet, recém-inaugurada no Brasil, a Revista deu sequência ao esforço individual do colega Genserico Encarnação que editava, com o mesmo nome, um boletim com objetivos semelhantes.

A área energética continua sendo um refúgio para os que buscam horizontes de tempo mais amplos. A duração dos projetos exige essa visão e quem não planeja o longo prazo está se condenando, ou mais frequentemente seus sucessores, a crises de abastecimento como a ocorrida em 2001 com a eletricidade no País.

Em 17 anos, foram editados 91 exemplares da E&E na Internet sendo que 52 números tiveram também sua versão impressa. Ainda sob a proteção desse “refúgio” a equipe da Revista pôde presenciar o resgate do planejamento de longo prazo no Brasil. Já no âmbito mundial, foi a ameaça do aquecimento global que ampliou os horizontes de análise. Este interesse estimulou a criação da Organização Economia e Energia que, paralelamente aos trabalhos nos temas que lhe deram o nome, desenvolveu estudos relevantes na quantificação das emissões de gases do efeito estufa na área energética, sempre tentando chamar a atenção sobre os custos de mitigação e suas consequências econômicas.

Em 2013, foi lançado o último exemplar do que constituiu a segunda fase da Revista Economia e Energia. Em 2016, as atividades da Organização Economia e Energia foram paralisadas e a edição da Revista foi absorvida pela Empresa ECEN Consultoria.

A época atual parece reproduzir um novo ciclo em que um refúgio para pensar o futuro é necessário. Começa uma nova fase da E&E.

Este número aborda o caráter estratégico da energia nuclear.

Carlos Feu Alvim


Conteúdo:

Palavras do Editor (ler abaixo)

Porque é Necessária uma Política Nuclear

O que é Estratégico na Energia Nuclear

Tango X Samba

Ver ou Baixar E&E 93p


 Exemplares anteriores disponíveis em Economia e Energia
             http://ecen.com ou em
             Números Anteriores


Economia e Energia N° 93
Outubro – Dezembro 2017 – Ano XX

 

Revista E&E 93 em Português

Ver e Baixar E&E 93

Porque é Necessária uma Política Nuclear |
O que é Estratégico na Energia Nuclear | Tango X Samba|